• Helena - 50 Livros

RESENHA de "Última parada" de Casey McQuiston


 

SINOPSE DE ORELHA Aos vinte e três anos, August Landry tem uma visão bastante cética sobre a vida. Quando se muda para Nova York e passa a dividir um apartamento com as pessoas mais excêntricas — e encantadoras — que já conheceu, tudo o que quer é construir um futuro sólido e sem surpresas, diferente da vida que teve com a mãe.


Até que Jane aparece. No vagão do metrô, em um dia que tinha tudo para dar errado, August dá de cara com uma garota de jaqueta de couro e jeans rasgado sorrindo para ela. As duas passam a se encontrar o tempo todo e logo se envolvem, mas há um pequeno detalhe: Jane pertence, na verdade, aos anos 70 e está perdida no tempo — mais especificamente naquela linha de metrô, onde nunca consegue sair.


August fará de tudo para ajudá-la, mas para isso terá que confrontar o próprio passado — e, de uma vez por todas, começar a acreditar que o impossível às vezes pode se tornar realidade.

SOBRE A AUTORA


CASEY MCQUISTON cresceu nos pântanos do sul de Louisiana, onde desenvolveu um grande amor por biscoitos amanteigados e histórias apaixonantes. Ela estudou Jornalismo e trabalhou em revistas por anos, até retornar ao seu primeiro amor: comédias românticas alegres, excêntricas e escapistas. Hoje vive nas montanhas de Fort Collins, Colorado, com uma coleção de caftãs e sua poodle, Pepper.

NOTAS ENREDO: 5 PERSONAGENS: 5 DESENVOLVIMENTO E ESCRITA: 5 INÍCIO: 5 MEIO: 5 FIM: 5 NOTA FINAL: 5 de 5 LIVRO BOM PARA: repensar a realidade MINHA RESENHA


Apesar do hype ainda estar todo em "Vermelho, branco e sangue azul", outro livro da autora, foi por esse que decidi conhecer sua escrita e não me arrependo nem um pouco. A história consegue trazer personagens incomuns em situações inusitadas e ainda assim não cai em nenhum estereótipo. O ritmo de todo o livro é ótimo, nem corrido nem arrastado, e consegue criar um choque de gerações que funciona muito bem para complementar o todo. As tramas paralelas são excelentes e o romance convence do início ao fim. Há um toque fantástico sim, uma boa pitada de irrealidade que conversa com todo o propósito. Por pouco não foi favoritado, mas tiveram coincidências demais e isso me incomodou um pouco, mesmo que não o suficiente para tirar uma estrela. Foi uma leitura deliciosa, linda e que me fez querer me jogar na piscina do hype de seu outro livro.


COMPRO, BAIXO, PEGO EMPRESTADO OU PASSO LOTADO?

Essa edição que eu li foi a disponibilizada pela Tag Inéditos, então não sei como estão as versões finais. Sobre essa da Tag, a arte é linda DEMAIS e a diagramação é aquele padrão da empresa: bom o suficiente para ler, mas ruim o suficiente para ter um ponto de desconforto.


ONDE COMPRAR Amazon.com

Submarino

 

Quer participar do projeto? Então poste uma foto com o seu "Última parada" com a hashtag #blog50livros e marcando a gente (@50livros em todas as redes sociais) que adorarei ver. E já fez resenha sobre ele no Skoob, GoodReads ou qualquer outra rede social? Então me envie um email para contato@50livros.com que vou ler com muito amor! ;-)

#livro #romance #lgbtqia+ #caseymcquiston #tagineditos

23 visualizações0 comentário
E se eu precisasse de você_.jpg