© 2017 por 50 Livros. Orgulhosamente criado com Wix.com

RESENHA de "A Viagem do Tigre" (Saga do Tigre vol. 03), de Colleen Houck

 

 SOBRE A SÉRIE

 

A Saga do Tigre (The Tiger Saga, The Tiger's Curse Series ou The Tiger Series) é uma série de livros para jovens adultos (YA) escrita pela estadunidense Colleen Houck. A saga foi publicada originalmente em e-book, tendo sua primeira cópia impressa em janeiro de 2011 pela editora Splinter, da Sterling Publishing. Chegou ao Brasil pela editora Arqueiro, da Sextante, em outubro do mesmo ano. Alcançou algumas das melhores posições do New York Times, e foi exportada para mais de 40 países. Segundo Houck, foi levemente inspirada na saga Crepúsculo, enquanto aguardava o lançamento de Amanhecer, e no conto A Bela e a Fera. Ela queria escrever um história em que não seria óbvio com quem a protagonista ficaria ao final e, de fato, o suspense se mantém por toda a série.

Envolvendo as mitologias hindu, chinesa, japonesa, budista, nórdica, cristã, grega, e referências a obras literárias, como Horizonte Perdido (James Hilton) e Harry Potter (J.K. Rowling), A Saga do Tigre conta a história de Kelsey Hayes e dos príncipes indianos Alagan Dhiren Rajaram "Ren" e Sohan Kishan Rajaram, que se aventuram na Índia para quebrar a maldição que transformou os irmãos em tigres há 300 anos atrás. Para isso, eles precisam completar quatro tarefas, resgatar os presentes da deusa Durga e derrotar o mago que lhes condenou a condição de animal, ajudado por Anik Kadam e sua tatatatataraneta Nilima. Ao todo são cinco os livros lançados: #1 A Maldição do Tigre, #2 O Resgate do Tigre, #3 A Viagem do Tigre, #4 O Destino do Tigre e o prequel A Promessa do Tigre, sendo um quinto livro, Tiger's Dream (O Sonho do Tigre), prometido em 2013 pela autora ─ porém seu envolvimento com a nova trilogia Deuses do Egito a fez optar por adiar o lançamento para a primavera de 2018.

 

(em O Universo Leitor)

 

SOBRE A AUTORA

 

Colleen Houck é antes de tudo uma leitora. Ela adora ação, aventura, ficção científica e romance, e seus livros favoritos incluem um pouco de cada um. Depois de obter um grau de associado da faculdade de Rick e transferir para a Universidade do Arizona, ela abandonou a escola para ir para a missão da igreja onde ela conheceu o marido. Colleen tem vivido no Arizona, Idaho, Utah, Califórnia e Carolina do Norte e agora está definitivamente resolvida em Salem, Oregon, com seu marido e seu gigante tigre branco de pelúcia.
 

#TBT - A MALDIÇÃO DO TIGRE (VOLUME 01) E O RESGATE DO TIGRE (VOLUME 02)

 

 SINOPSES DE ORELHA

 

Kelsey Hayes perdeu os pais recentemente e precisa arranjar um emprego para custear a faculdade. Contratada por um circo, ela é arrebatada pela principal atração: um lindo tigre branco. Kelsey sente uma forte conexão com o misterioso animal de olhos azuis e, tocada por sua solidão, passa a maior parte do seu tempo livre ao lado dele. O que a jovem órfã ainda não sabe é que seu tigre Ren é na verdade Alagan Dhiren Rajaram, um príncipe indiano que foi amaldiçoado por um mago há mais de 300 anos, e que ela pode ser a única pessoa capaz de ajudá-lo a quebrar esse feitiço.

Determinada a devolver a Ren sua humanidade, Kelsey embarca em uma perigosa jornada pela Índia, onde enfrenta forças sombrias, criaturas imortais e mundos místicos, tentando decifrar uma antiga profecia. Ao mesmo tempo, se apaixona perdidamente tanto pelo tigre quanto pelo homem. A maldição do tigre é o primeiro volume de uma saga fantástica e épica, que apresenta mitos hindus, lugares exóticos e personagens sedutores. Lançado originalmente como e-book, o livro de estreia de Colleen Houck ficou sete semanas no primeiro lugar da lista de mais vendidos da Amazon, entrando depois na do The New York Times.

 

A épica saga dos tigres já foi lançada em 18 países e ocupou os primeiros lugares na lista dos mais vendidos do The New YorkTimes.

Fé. Confiança. Desejo. Até onde você iria para libertar a pessoa amada? Kelsey Hayes nunca imaginou que seus 18 anos lhe reservassem experiências tão loucas. Além de lutar contra macacos d´água imortais e se embrenhar pelas selvas indianas, ela se apaixonou por Ren, um príncipe indiano amaldiçoado que já viveu 300 anos. Agora que ameaças terríveis obrigam Kelsey a encarar uma nova busca - dessa vez com Kishan, o irmão bad boy de Ren -, a dupla improvável começa a questionar seu destino. A vida de Ren está por um fio, assim como a verdade no coração de Kelsey.

Em O resgate do tigre, a aguardada sequência de A maldição do tigre, os três personagens dão mais um passo para quebrar a antiga profecia que os une. Com o dobro de ação, aventura e romance, este livro oferece a seus leitores uma experiência arrebatadora da primeira à última página.

 

O QUE ME LEVOU A CONTINUAR A LER A SÉRIE

 

A série tem uma premissa muito legal, cheia de aventura, magia e mitologia indiana. Uma beleza, de verdade. A saga sai do lugar comum explorando uma cultura pouco conhecida aqui no Ocidente, trazendo lugares mágicos e profecias pouco usuais. Ainda cai naqueles clichês meio insuportáveis, como garota de beleza mediana encanta o condenado ricaço e aquele triângulo amoroso que retira o pior de nós, os livros são bem construídos e sempre deixam um gostinho de quero mais.

 

RESENHA DE A VIAGEM DO TIGRE (VOLUME 03)

 

 SINOPSE DE ORELHA

 

Perigo. Desolação. Escolhas. A eternidade é tempo demais para esperar pelo verdadeiro amor?


Em sua terceira busca, a jovem Kelsey Hayes e seus tigres precisam vencer desafios incríveis propostos por cinco dragões mítico. O elemento comum é a água, e o cenário de mar aberto obriga Kelsey a enfrentar seus piores temores.


Dessa vez, sua missão é encontrar o Colar de Pérolas Negras de Durga e tentar libertar seu amado Ren tanto da maldição do tigre quanto de sua repentina amnésia. No entanto o irmão dele, Kishan, tem outros planos, e os dois competem por sua afeição, além de afastarem aqueles que planejam frustar seus objetivos.


Em a Viagem do tigre, terceiro volume da série A maldição do tigre, Kelsey, Ren e Kishan retomam a jornada em direção ao seu verdadeiro destino numa história com muito suspense, criaturas encantadas, corações partidos e ação de primeira.

 

NOTAS

ENREDO: 4
PERSONAGENS: 3
DESENVOLVIMENTO E ESCRITA: 3
INÍCIO: 5
MEIO: 4
FIM: 3

NOTA FINAL: 3,6 de 5

LIVRO BOM PARA: se estressar

MINHA RESENHA


Enquanto a série caminha de maneira muito agradável, esse livro deu uma escorregada feia. A parte mais chata da história foi explorada: o triângulo amoroso.

Mas vamos por partes. Eu adoro essa série, de verdade, a mitologia hindu me encanta, além da história ser muito estruturada e cumpre tudo aquilo que promete, inclusive o que a gente não curtiu. Todos os livros retratam locais maravilhosos, mágicos, cheios de simbologia. Nesse livro não foi diferente, mas a pegada meio chinesa, com dragões (não é spoiler, é a capa do livro, pelamor) não me agradou muito. Continua com tudo aquilo que a gente ama: mistério, aventura, perigos, mas não estava preparada para aquela parada de dragões com nomes bizarros.

Eu amo os príncipes, de todo o meu coração, mas teve inúmeros problemas nessa história. A Kelsey, como toda garota no meio de um triângulo amoroso, é meio chata, mas não estava me incomodando. Só que nessa continuação... Jesus, que insuportável! Ela fica o tempo inteiro com dúvidas sobre quem ela deveria ficar, sendo que todo mundo sabe que ela gosta mais do Ren do que do Kishan, vê isso de maneira clara, mas ela insiste em ficar na dúvida. Para dar um exemplo, em Crepúsculo, a Bella não fica exatamente em dúvida de quem ela quer ficar: ela ama o Edward, sabe que vai ficar com ele, mas não nega a atração que sente pelo Jacob. Só isso. Ponto para a Stephanie Meyer, enquanto Colleen Houck perde os pontos.

Não estou dizendo que é impossível uma pessoa se apaixonar por duas pessoas, mas sempre tem uma que ela sente uma conexão maior. Nesse caso, está claro para todo mundo, inclusive para o coitado do Kishan, que ela gosta mais do Ren. Então por que se martirizar e ficar forçando páginas e página de algo que a gente sabe que não vai levar a lugar nenhum? Sério, se tirasse essa parte, acho que só sobrava 200 páginas de história.

O livro começa pegando fogo, já que o final de Resgate do Tigre é de apertar o coração, fazendo a gente correr atrás do próximo. O problema é que o triângulo amoroso vai ganhando tanto espaço e permeando de maneira muito ridícula as tarefas do desafio que fica enfadonho. Enquanto o primeiro terço do livro eu li correndo, o resto se arrastou. Quando chega na metade, já não estando tão bom, acontece uma reviravolta que você pensa: Ufa, agora essa parada de sofrer por amor vai acabar. Mas não! Ao invés de resolver, a mocinha fica ainda mais triste, enclausurada em suas dúvidas. Um saco, sério.

O final acaba quente, como todos os outros livros, mas isso só acontece nas últimas páginas. O final como um todo é meio bobo, com muita ação e coisas impossíveis. Não que dois príncipes imortais que são obrigados a se transformar em tigres todos os dias não seja impossível, mas o fio da meada se perde, ficando chato mesmo, ainda mais que na tarefa final enfia mais uma vez, pela nossa goela, algo relacionado ao triângulo amoroso (ou assassino, que era o meu desejo).

A Viagem do Tigre, por mais que esteja muito abaixo de seus antecessores, continua sendo um livro legal, bem escrito, que distrai bem a gente. Mas, como a gente já leu os anteriores, só faz a gente passar raiva e torcer para que ambos os príncipes mandem a Kelsey para "aquele lugar".


COMPRO, BAIXO, PEGO EMPRESTADO OU PASSO LOTADO?

Hoje a pergunta fica mais difícil. Eu tenho em papel os dois primeiros livros da série, mas esse em questão só em e-book. Por conta da parcial decepção, fiquei meio receosa de comprar todos da série. Assim, vou tentar pegar emprestado o último da série (sei que tem o spin-off também) e ver se vale a pena comprar os que faltam em papel. Se você ainda não leu nada da série, pega emprestado para não ter a mesma dúvida que estou tendo agora.

 

ONDE COMPRAR

 

Amazon.com

Saraiva.com.br

Submarino.com.br

 

Quer participar do projeto? Então poste uma foto com o seu Viagem do Tigre no Instagram com a hashtag #blog50livros que adorarei ver. E já fez resenha sobre ele no Skoob? Então me envie um email para contato@50livros.com que vou ler com muito amor! ;-)

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Some elements on this page did not load. Refresh your site & try again.

Please reload

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
  • Instagram - Black Circle