© 2017 por 50 Livros. Orgulhosamente criado com Wix.com

RESENHA de "Um de nós está mentindo", de Karen M. McManus - #DESAFIOCULTURA2018

 

 

11) Um livro lançado em 2018

 

 

 

SINOPSE DE ORELHA

 

Cinco alunos entram em detenção na escola e apenas quatro saem com vida. Todos são suspeitos e cada um tem algo a esconder. Numa tarde de segunda-feira, cinco estudantes do colégio Bayview entram na sala de detenção: Bronwyn, a gênia, comprometida a estudar em Yale, nunca quebra as regras. Addy, a bela, a perfeita definição da princesa do baile de primavera. Nate, o criminoso, já em liberdade condicional por tráfico de drogas. Cooper, o atleta, astro do time de beisebol. E Simon, o pária, criador do mais famoso app de fofocas da escola. Só que Simon não consegue ir embora. Antes do fim da detenção, ele está morto. E, de acordo com os investigadores, a sua morte não foi acidental. Na segunda, ele morreu. Mas na terça, planejava postar fofocas bem quentes sobre os companheiros de detenção. O que faz os quatro serem suspeitos do seu assassinato. Ou são eles as vítimas perfeitas de um assassino que continua à solta? Todo mundo tem segredos, certo? O que realmente importa é até onde você iria para proteger os seus.

 

SOBRE A AUTORA

 

 

Karen M. McManus é Bacharel em Língua Inglesa pela College of Holy Cross e Mestre em Jornalismo pela Universidade Northeastern. Quando não está trabalhando ou escrevendo em Cambridge, Massachusetts, McManus adora viajar com o filho. Um de Nós Está Mentindo é seu romance de estreia, que rapidamente alcançou os primeiros lugares da lista do New York Times.
 

 

NOTAS

 

ENREDO: 5

PERSONAGENS: 5

DESENVOLVIMENTO E ESCRITA: 5

INÍCIO: 4

MEIO: 5

FIM: 5

 

NOTA FINAL: 4,8 de 5

 

LIVRO BOM PARA: investigar junto

 

MINHA RESENHA

 

Está pronto para descobrir quem matou o Simon?

 

Calma, aqui é uma área sem spoiler. Foi só uma brincadeirinha (sem graça, aparentemente).

 

A história trata de uma morte pouco comum e na investigação que perpassa toda essa situação. Mas o que mais me prendeu no livro foi como a vida de todos aqueles personagens envolvidos no momento da morte muda com toda essa situação. Isso é muito bem explorado no livro e consegue mostrar o outro lado dos estereótipos tão comuns nos Estados Unidos.

 

Ouvi muitas resenhas negativas acerca do livro, dizendo que a parte investigativa é fraca, que o final é óbvio, que foi uma leitura desestimulante. Gente, vale lembrar que é um livro direcionado ao público infanto-juvenil, é um romance policial para essa faixa etária. Pensando assim, acho que foi bem acertado. Já gostei muito lendo agora e tenho certeza que se tivesse lido com meus 13, 14 anos, teria curtido ainda mais.

 

Outro ponto que acho válido ressaltar: eu não adivinhei o assassino. O que eu estava suspeitando foi por terra no segundo terço do livro, era só cortina de fumaça. Quando as minhas suspeitas foram superadas, li o livro super rápido, louca para encaixar as peças. Realmente não é impossível descobrir o real culpado, mas fiquei desconfiada das pessoas acharem o final assim tão óbvio.

 

Hoje em dia acho que tem uma vibe contraditória aos super lançamentos e ditos hypes. Enquanto um lado está disposto a dizer que amou o hype, às vezes sem ler direito, simplesmente porque a crítica curtiu (como eu acho que foi o caso de "O Conto da Aia"), tem o outro lado que está disposto a destruir hypes simplesmente porque eles tem uma pegada comercial, como acho que foi o caso desse livro. Porque, de modo geral, achei um livro muito bem construído, com uma ótima escrita, personagens bem fundamentados (apesar dos estereótipos tão comuns), um final incrível (não só relativo à questão de quem matou Simon) e que consegue atingir seu público. Não vi nenhum problema realmente bizarro nele. Só não foi um "full 5" porque no início achei que a trama ficaria presa nos estereótipos que tanto citei e que tanto mostrei que não se confirmam.

 

No final das contas, acho que a trama é uma leitura incrível para quem realmente gosta de romances policiais e para quem é bem jovem e quer entrar nessa leitura de forma bem leve. Começar a ler policial na adolescência é uma parada bem complicada, já que ou você não entende nada porque é muito psicológico, ou você fica chocado com tanta sanguinolência. A meu ver, é um livro bem adequado para o jovem que quer começar a entrar no mundo do crime. No bom sentido.

 

"Um de Nós Está Mentindo" foi uma leitura bem agradável, fluida e que indico com muita propriedade, já que é meu gênero favorito e o que mais leio na vida.

 

COMPRO, BAIXO, PEGO EMPRESTADO OU PASSO LOTADO?

 

Eu li o meu na versão em e-book, porque quando o comprei estava mais barato que a versão física. Está com uma diagramação bem legal, mas acho que você deve ir pelo preço mesmo, compre o que estiver mais acessível.

 

ONDE COMPRAR

 

Amazon.com

Saraiva.com.br

Livraria Cultura

Quer participar do projeto? Então poste uma foto com seu Um de Nós Está Mentindo com a hashtag #blog50livros que adorarei ver. E já fez resenha sobre ele no Skoob? Então me envie um email para contato@50livros.com que vou ler com muito amor! ;-)

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Some elements on this page did not load. Refresh your site & try again.

Please reload

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
  • Instagram - Black Circle