© 2017 por 50 Livros. Orgulhosamente criado com Wix.com

RESENHA de "A Outra Volta do Parafuso", de Henry James - #12meses12classicos

SINOPSE DE ORELHA

 

Esta novela de terror narra estranhos episódios ocorridos em uma casa de campo inglesa, onde duas crianças vivem com sua governanta e uma empregada. Numa estrutura narrativa brilhante, Henry James deixa a critério do leitor decidir se está diante de uma verdadeira história de fantasmas ou do fruto da alucinação da governanta.

 

SOBRE O AUTOR

 

 Henry James, romancista americano nascido em Nova Iorque, a 15 de Abril de 1843, naturalizou-se cidadão inglês em 1915. Criador de uma vasta obra (escreveu 20 romances, 112 contos, 12 peças de teatro e alguns artigos de crítica literária), Henry James é uma das grandes figuras literárias de língua inglesa.


Beneficiou de uma educação esmerada, pois o seu pai era um dos mais conhecidos intelectuais americanos. Durante a juventude, Henry James realizou viagens frequentes à Europa, vindo mais tarde a viver em Paris, onde foi correspondente do New York Tribune, e em Inglaterra, país onde viria a morrer em 1916.


Autor de obras-primas como Daisy Miller (1879), Portrait of a Lady (1881), The Bostonians (1886) e The Embassadors (1903), Henry James foi postumamente laureado com graus pelas Universidades de Oxford e Harvard, eleito para o National Institute of Arts and Letters e, em 1950, para a American Academy of Arts and Letters, tendo recebido também a Ordem de Mérito pelo Rei George V.

POR QUE É UM CLÁSSICO?

 

Essa foi uma das primeiras obras literárias a retratar fantasmas como almas errantes, focando em aparições amedrontadoras e deixando de lado deformidades e demais aspectos estéticos aterrorizantes. O medo do fantasma surge através de suas aparições. Também foi uma das primeiras obras a utilizar conceitos Freudianos e possui um final tão aberto que chamou a atenção da academia literária de sua época.

 

MINHAS IMPRESSÕES

 

Foi uma leitura interessante, mas confesso que não foi incrível. O autor consegue realmente criar toda uma aura de suspense e dúvida acerca de tudo que está acontecendo, já que a história é toda contada em primeira pessoa, de maneira muito tendenciosa. A questão sobrenatural realmente chama bastante a atenção, a escrita, por mais rebuscada que seja, consegue fluir bem, mas o final super aberto me desconcertou um pouco. Pareceu que nada do que eu li fez sentido, não consegui tecer nem mesmo uma teoria do que poderia estar acontecendo na trama. Creio que é um livro que deve ser lido mais de uma vez, aprofundando-se mais a cada leitura, mas o final, que deveria ser o ápice, foi tão decepcionante que não sei se leria mais uma vez.

 

NOTA FINAL: 4 de 5

 

DEVE SER LIDO?

 

Sim, mas leia sem muitas expectativas e saiba que inúmeras perguntas não serão respondidas.

 

ONDE COMPRAR

 

Amazon.com

Saraiva.com

Americanas.com (via Ad.fly)

 

Quer participar do projeto? Então poste uma foto com o seu Outra Volta do Parafuso com as hashtags #blog50livros e #12meses12classicos que adorarei ver. E já fez resenha sobre ele no Skoob? Então me envie um email para contato@50livros.com que vou ler com muito amor! ;-)

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Some elements on this page did not load. Refresh your site & try again.

Please reload

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
  • Instagram - Black Circle